BUSCAR

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Governo lança novo documento de identidade


O Registro de Identidade Civil (RIC), novo documento de identidade dos brasileiros, foi lançado nesta quinta-feira (30), no Palácio da Justiça, em Brasília. O novo documento conta com diversos mecanismos de segurança, além de um chip, onde estarão armazenadas as impressões digitais do titular e informações como sexo, nacionalidade, data de nascimento, foto, filiação, naturalidade, assinatura, órgão emissor, local de expedição, data de expedição, data de validade do cartão e dados referentes a outros documentos, como título de eleitor, CPF e outros. 

Trata-se de um dos mais modernos documentos de identificação do mundo, que deve substituir o atual RG. Ele deve impedir fraudes e facilitar a vida dos cidadãos nas relações com o Estado, como obtenção de benefícios sociais, e em contratos privados, como abertura de contas e demais operações bancárias, reduzindo a possibilidade de erros e prejuízos.

O lançamento contou com a presença do presidente Lula, do ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, e do diretor do Instituto Nacional de Identificação, Marcos Elias de Araújo, entre outras autoridades.

Salvador, Rio de Janeiro e Brasília serão as três primeiras cidades a emitirem o Registro de Identidade Civil (RIC). O RIC será implantado gradativamente ao longo dos próximos 10 anos. Só ao final desse prazo as atuais carteiras de identidade (RG) devem perder a validade. As próximas etapas serão deliberadas por um comitê gestor, criado pelo governo para acompanhar a implantação do documento nos estados, que precisam formalizar a adesão ao programa em 2011.

Os primeiros beneficiarios do novo documento foram o presidente Lula e a primeira Dama Marisa Letícia.

Nenhum comentário: