BUSCAR

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Incêndio destruiu 8.400 fantasias, dizem escolas do Rio

Fantasia Grande Rio (Foto: Reprodução / TV Globo) 
Incêndui destruiu 3.300 fantasias da Grande Rio (Foto: Reprodução / TV Globo)

Chega a 8.400 o número de fantasias destruídas no incêndio na Cidade do Samba, na Zona Portuária do Rio, na manhã desta segunda-feira (7). A informação é dos presidentes da União da Ilha do Governador, da Portela e da Grande Rio – as três escolas que tiveram seus barracões atingidos pelo fogo. Cada escola tem entre 3.500 e 4 mil componentes.

Além das agremiações, o galpão cultural da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) também foi atingido.

A Acadêmicos do Grande Rio foi a escola mais atingida. Segundo a direção de carnaval da escola, oito carros alegóricos e 3.300 fantasias foram incendiados. Partes do teto e da parede lateral do barracão cederam.

Na agremiação da Ilha do Governador, segundo o diretor de carnaval da escola, Márcio André Souza, 2.300 fantasias e um carro alegórico foram perdidos no incêndio. Entre as roupas estavam a da ala de baianas e a da bateria. Segundo ele, 80% delas já estavam embaladas e penduradas. "Nossa meta era fechar o barracão, com tudo já pronto, no dia 20. Agora, vamos ter que montar uma equipe para confecção e planejamento em apenas 20 dias”, disse o diretor .

Na Portela, de acordo com o presidente Nilo Figueiredo, 2.800 fantasias que estavam no quarto andar do barracão foram destruídas. Mas os representantes da escola ainda não tiveram autorização da Defesa Civil para percorrer o local do incêndio. “Perdemos tudo, inclusive uma máquina para cortar chapas que estava lá em cima. Em termos de alegorias, acho que temos chances e não perdemos muita coisa”, disse ele.

Reunião para discutir regulamento
As escolas de samba do Rio marcaram uma reunião com todos os presidentes do Grupo Especial para a noite desta segunda-feira. A ideia é discutir formas de ajudar as agremiações afetadas pelo incêndio e tentar encontrar soluções no regulamento para o desfile do carnaval 2011.

“Temos que tentar ajudar quem já está muito prejudicado”, disse o carnavalesco da Unidos da Tijuca, Paulo Barros.O incêndio foi controlado por volta de 11 horas da manhã horário de Brasília.

Nenhum comentário: